maio 18, 2024 12:30

Gestão de backup: por que considerar esse serviço para sua empresa?

gestão de backup

Imagina se sua empresa sofresse um ataque cibernético, ou se todos os seus computadores fossem destruídos por uma inundação ou pelo fogo e você perdesse todos  seus registros financeiros, banco de dados de clientes ou até mesmo lançamentos do seu estoque. Isso geraria muita dor de cabeça, não é mesmo? Porém, a boa notícia é que uma gestão de backup eficiente é capaz de minimizar ou mesmo eliminar esse risco. 

E para saber como esse procedimento funciona, confira este nosso novo conteúdo. Boa leitura! 

O que é backup?

O backup é o ato de fazer cópias dos arquivos digitais das empresas para outros locais, seja drivers físicos ou na nuvem, com a finalidade de mantê-los seguros.

Atualmente, com o grande número de informações que uma empresa precisa acessar no seu dia a dia, o backup se mostra essencial. Porém, não é só isso, é importante também monitorar se as ferramentas de backup estão efetivamente em funcionamento, além de realizar testes de restore periodicamente. Ou seja, é preciso contar com um serviço de gestão de backup.

Como pode-se perceber, o backup é sim um pilar fundamental de qualquer solução de segurança da informação e possui características e particularidades específicas que devem ser tratadas por quem realmente entende do assunto, no caso, os profissionais de TI. Eles são agentes capacitados para garantir que tudo funcione nas empresas sem perda de dados, brechas na segurança e invasões de privacidade.

Tipos de backup

Existem diferentes tipos de backup, tais como:

Armazenamento físico

O armazenamento físico nada mais é que a cópia dos itens em drives, data centers, computadores, fitas e outros dispositivos dentro da própria empresa. 

No entanto, uma vez que os dados estão armazenados dentro da organização, eles estão sujeitos a incidentes ou desastres, como alagamentos, incêndios, furtos, etc. É assim, apenas ele não basta. 

Armazenamento em nuvem

Já o armazenamento em nuvem, não necessita de drivers físicos, uma vez que os dados ficam armazenados em servidores online. 

Porém, é preciso que a empresa possua uma conexão com a internet estável e rápida o suficiente para transmitir um grande volume de informações todos os dias.

Qual a importância da gestão de backup terceirizada para a sua empresa?

A gestão de backup é importante pelos seguintes motivos:

  • Prevenção de prejuízos: no caso de um ataque de hacker, não há porque pagar o resgate exigido pelos cibercriminosos, uma vez que os dados da empresa estarão resguardados. Basta que os equipamentos infectados sejam formatados e os serviços sejam restaurados. E o mesmo vale para acidentes físicos como incêndios, inundações, descargas elétricas, etc.
  • Escalabilidade para crescer com o negócio: o acompanhamento e backup diário é fundamental para que a sua empresa cresça de forma organizada, sem que nenhuma informação estratégica se perca.  
  • Cumprimento às normas da LGPD: além das normas técnicas, a empresa deve se adequar  à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e a implementação do  backup é uma das boas práticas que as empresas devem adotar para que não tenham problemas com as diretrizes da LGPD. 

Como funciona o backup em nuvem?

Apesar do armazenamento físico ainda estar presente na maioria das empresas, cada vez mais as empresas têm optado por ambientes híbridos. Ou seja,  além do armazenamento físico em drives, data centers, computadores, fitas e outros dispositivos, o armazenamento em nuvem também vem sendo usado de forma complementar. 

Os backups, tanto na nuvem privada quanto na pública, estão se tornando mais populares, já que permitem que as organizações criem cópias de segurança em data centers externos, mas gerenciados por elas.

No mais, o backup em nuvem é extremamente seguro, já que os dados são criptografados de ponta a ponta, o que aumenta a segurança.

Como automatizar os processos de backup e aumentar a segurança?

O backup manual oferece mais riscos, pois está sujeito a falhas humanas: esquecimento, armazenamento indevido e conhecimento técnico insuficiente. No mais, ele toma muito tempo e interfere negativamente na produtividade. 

Por isso, o ideal é automatizar os backups para que eles ocorram de forma recorrente e de acordo com as características e regras de cada empresa. 

É possível encontrar no mercado diversas ferramentas ou softwares de automação de backup que oferecem, além da programação das cópias, a criptografia dos dados, dando maior transparência e segurança.
Gostou? Quer saber mais sobre gestão de backup? Conheça a Computécnica e tudo que podemos fazer pelo  seu negócio!

Veja mais

Artigos relacionados